Crianças em estado de abandono são resgatadas de casa em Cabreúva

Cinco crianças em estado de abandono foram resgatadas em uma casa no bairro Vilarejo, em Cabreúva (SP), na manhã desta segunda-feira (13).

Segundo a PM, a denúncia foi feita por vizinhos e quando a equipe chegou ao local, as crianças foram encontradas sozinhas. O Conselho Tutelar foi chamado e abrigou as crianças.

Ainda conforme a PM, são três meninas de 11, 10 e 9 anos de idade, e dois meninos de 6 e 4 anos. A mãe ainda não foi encontrada. O caso foi registrado na delegacia de Cabreúva e será investigado.

No último sábado (11), outras três crianças foram encontradas sozinhas em uma casa no bairro Jacaré, também em Cabreúva.

Investigação

A Polícia Civil investiga também nesta segunda-feira (13), uma possível situação de abandono de incapaz após três crianças serem encontradas sozinhas em uma casa no bairro Jacaré.

De acordo com a Polícia Militar, elas teriam sido abandonadas pela mãe, na noite anterior, na casa onde moravam juntas. As crianças são uma menina de sete anos, com Síndrome de Down, um menino, de cinco anos, e um bebê, de um ano e três meses. O mais novo estava com muito frio.

As três crianças foram levadas para um abrigo da cidade, que fica no bairro Bonfim. Até a manhã desta segunda-feira, a mãe não tinha sido localizada e nenhum outro responsável encontrado.

O Conselho Tutelar vai enviar o caso para o Ministério Público e busca informações sobre a mãe das crianças e família.

Compartilhe essa notícia

Quem foi: Madre Teresa de Calcutá?

Madre Teresa foi a fundadora da Ordem das Missionárias da Caridade, uma congregação católica romana de mulheres dedicadas a ajudar os pobres. Considerada uma das maiores humanitárias do século XX, foi canonizada como Santa Teresa de Calcutá em 2016. Quem

Leia mais »

Inscreva-se em nossa news

Em nossa região

Preencha as informações

Oferecemos uma forma auxiliar para ajudar em buscas de pessoas desaparecidas. Pedimos que entre em contato com as centrais de policia mais próxima.

Preencha as informações

Só envie os dados se já tiver procurado as autoridades