Vamos ajudar o Gabriel

Gabriel estava sentado numa mesa da praça de alimentação tomando sorvete e com uma caixa de jujubas em cima da mesa. Tinha um segurança colado do lado dele, falando alguma coisa baixinho.

Aquilo já tava me deixando agoniada. Gabriel apressou o ritmo das colheradas e levantou. Ele passou por mim e perguntou com a voz bem baixa se queria comprar uma.

Comprei e ele seguiu. Outro homem chegou perto do segurança, eles cochicharam e foram atrás do menino. No impulso, levantei, fui atrás dele e perguntei se ele queria sentar pra lanchar. Ele estranhou, mas aceitou.

O segurança falou no rádio e se afastou. Gabriel explicou que fazia tempo que não entrava lá porque da última vez rasgaram a camisa dele e tiraram os chinelos antes de expulsá-lo. Hoje resolveu tentar de novo.

Gabriel tem 16 anos, com cara de 12 ou 13. Ele mora no Planalto (Natal- RN) e faz o 8⁰ ano numa escola do Guarapes. Mora com a mãe e 4 irmãos mais novos.

A mãe está desempregada e, como os bicos de faxina não são suficientes, ele vende jujuba depois da escola e nos finais de semana. Ele disse que também pede comida e fraldas no Atacadão pra levar pra os irmãos. Do lanche ele só comeu o sanduíche e perguntou se podia levar a batata frita pra casa.

Gabriel tem um sonho: ser jogador de futebol. Perguntei se tinha algum outro sonho também. Ele pensou e disse que não. Eu disse que pra ser jogador tinha que ser muito bom. A resposta dele foi: “Eu sou muito bom”.

Já joguei em vários lugares, o último foi a Fábrica de Craques na Redinha. E lá eu fui chamado pra fazer um teste no Rio de Janeiro. Mas eu não tive dinheiro pra ir. Depois disso, nunca mais joguei.

Não sei se Gabriel é bom como disse, mas confiei que sim. Perguntei se podia tirar uma foto dele e tentar alguém que ajudasse com esse sonho e ele consentiu. Gabriel olha nos olhos da gente ao falar e o olhar dele é bom. O coração também parece ser.

Este texto é um repost do anjo @anaetenderini

Clique no link: https://voaa.me/gabriel-jujuba

Compartilhe essa notícia

Quem foi: Madre Teresa de Calcutá?

Madre Teresa foi a fundadora da Ordem das Missionárias da Caridade, uma congregação católica romana de mulheres dedicadas a ajudar os pobres. Considerada uma das maiores humanitárias do século XX, foi canonizada como Santa Teresa de Calcutá em 2016. Quem

Leia mais »

Inscreva-se em nossa news

Em nossa região

Preencha as informações

Oferecemos uma forma auxiliar para ajudar em buscas de pessoas desaparecidas. Pedimos que entre em contato com as centrais de policia mais próxima.

Preencha as informações

Só envie os dados se já tiver procurado as autoridades